-->

Desenvolvimento

A União Europeia é o maior doador de ajuda a nível mundial. Os relatórios de auditoria do Tribunal examinaram as despesas em países específicos e analisaram questões transversais.

Na qualidade de auditor da UE, o Tribunal também procura contribuir para a resolução dos principais desafios que a UE enfrentará no futuro. O bloco ocidental está atualmente a passar por uma fase de declínio relativo, ao passo que outros países, como a China e a Índia, desempenham um papel cada vez mais importante na política internacional, influenciando as políticas mundiais em matéria de energia, clima, segurança, comércio e desenvolvimento. A estabilidade e o desenvolvimento económico são essenciais para reduzir a pressão migratória de África para a Europa, razão pela qual a política da UE visa reduzir as tensões no interior dos Estados africanos e entre eles. Ao mesmo tempo, o surgimento de novos intervenientes ameaça o papel económico tradicional da UE nesta região geográfica.

O Tribunal terá em conta todos estes fatores, quando proceder à seleção das tarefas de auditoria e à formulação de recomendações para o futuro.